Aula de culinária Tailandesa | Grandma’s Home | Chiang Mai

Aula de culinária Tailandesa | Grandma’s Home | Chiang Mai

Feche os olhos e imagina comigo. Você está na Tailândia, mais precisamente numa cidade ao norte chamada Chiang Mai – essa mesma, famosa pelo Festival das Laternas – mas ao invés da agitação dos mercados de rua e o barulho infernal das buzinas você escuta o cacarejo das galinhas e sente um brisa gostosa no rosto. Que paz! Aí de repente vem um cheiro delicioso de comida caseira. Você abre os olhos e está vestindo um avental tipo “Masterchef”, pronto para começar a escolher o cardápio do dia. Sensacional, né?

Essa é uma sinopse da nossa experiência com a Grandma’s home cooking

O dia começou com nossa professora Rachel nos buscando em nosso Airbnb. De lá partimos para um mercadão público, onde ela mostrou para a gente os ingredientes básicos da culinária tailandesa além de ensinar como escolher o que usar dentre tantas opções. Engraçado que ela contou que vários pratos tailandeses receberam ingredientes “duvidosos” quando ocidentalizados por restaurantes na Europa e na América! Por exemplo, eles usam uma espécie de vinagre de tamarindo na Tailândia que foi substituído por ketchup pelos “farangs” (jeito que eles chamam os estrangeiros que nem nosso “gringo”, haha). Ela nos disse que chegamos em um horário ideal no mercado – por volta das 10 hs – porque mais cedo fica extremamente lotado. Os tailandeses prezam por utilizar ingredientes super frescos, é muito comum fazerem compras quase diariamente.

De lá, partimos para nosso destino final – literalmente a Fazenda da Vovó e foi assim que nos sentimos quando chegamos. O lugar por si só já valia uma visita. A aula de culinária é dentro de uma fazenda onde eles cultivam as ervas, verduras e legumes de modo 100% orgânico para serem utilizados nas receitas.

Durante a aula, você vai aprender a cozinhar: uma entrada, uma sopa, uma opção de curry, um prato principal e uma sobremesa. Sendo que você ainda pode escolher entre as opções disponíveis o que você prefere cozinhar – além de pratos vegetarianos, caso queira. Mas antes, a Rachel nos levou na horta e deu uma aula mostrando as peculiaridades de cada ingrediente e nos mostrando através da textura, aroma e formato de cada um. Deu até algumas dicas sobre efeitos terapêuticos de algumas plantinhas que até então pareciam inofensivas. Fica a dica para os casais, haha! E ainda passamos pelo galinheiro para pegar alguns ovos para o famoso Pad Thai. O carinho que eles tem com os animais ali é impressionante.

Ingredientes na mão, chegou a hora mais esperada, ou melhor, a segunda hora mais esperada. Partiu cozinha! Cada aluno tem uma ilha própria com todos os aparatos necessários para fazer o prato escolhido e cada turma tem no máximo 8 alunos, ou seja, dá para tirar todas as dúvidas. A tarde passou num piscar de olhos enquanto aprendíamos as receitas e dicas que deixaram os pratos ainda mais bonitos e, claro, super saborosos! Mas, não vou contar mais nada para não ter spoiler, tá?

Nota de utilidade pública: se prepare para sair rolando! Mas caso você queira, eles te dão a opção de colocar em embalagens feitas de materiais 100% sustentáveis para levar para casa. Ah, e a melhor parte: não tem a regra “Sujou, lavou!” Eles se encarregam de tudo isso.

Você fica com a barriguinha cheia e sorriso no rosto, e eles, potinhos pra te levar de volta para o seu hotel. Sério, acho que foi o primeiro dia que cancelamos alguma coisa programada. Depois que chegamos no nosso quarto, só queríamos saber de cama, ar condicionado e Netflix.

E aí, se animou para se tornar um Masterchef Tailandes? Se tiver viagem marcada para Chiang Mai, é só entrar em contato com a Grandma Cooking, falar que você viu o post aqui no blog que você ainda descola com um desconto de 10%. Não tem erro, só vá!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.